21 2563 1919

Menu Auxiliar

Início >> Acontece >> Vida e Carreira >> Na correria de fim de ano, tempo é dinheiro e qualidade de vida!

Text Resize

-A +A

Na correria de fim de ano, tempo é dinheiro e qualidade de vida!

ter, 25/11/2014 - 17:13 -- Danielle Neiva

Na correria de fim de ano, tempo é dinheiro e qualidade de vida!

Vida e Carreira
25 Novembro 2014

Por Maura Xerfan 
Coordenadora do Serviço de Orientação à Carreira (SOC) da UniCarioca

Com a chegada das festas e férias de fim de ano, a rotina de todo mundo se altera. O período do final do ano é uma correria. Uma agenda de festas, listas de compras, as crianças em férias, planos de viagens, amigo secreto na empresa e em outros grupos que você faz parte, são pequenos exemplos de afazeres que alteram nossos “tempos e movimentos” nessa época.  E para complicar um pouco, normalmente, isso acontece junto, num curto espaço de tempo.

Se no dia a dia já reclamamos de falta de tempo, que dirá nesse período em que a correria parece não ter fim. Então, como melhorar essa relação entre os afazeres e a falta de tempo? É preciso aprender a identificar onde e quando desperdiçamos tempo no cotidiano e que medidas adotar para melhor qualidade de vida no trabalho e na vida pessoal?

Afinal, essa é um dos dilemas mais atuais da sociedade; “quanto mais se persegue qualidade de vida mais o homem trabalha.” E assim, a maioria das pessoas hoje não tem tempo para si próprio, para a família e muito menos para os amigos e, dessa forma, a desejada qualidade de vida se perde.

Para começar a organizar melhor sua agenda é preciso ter discernimento entre o que é essencial, importante, urgente, e o que pode ser deixado para depois. Classificar suas tarefas segundo a importância e a prioridade é fundamental para estabelecer uma agenda eficiente. Outras dicas importantes nesse processo de fazer o tempo render são:

Faça listas: Elabore uma lista de afazeres, a chamada “to do list”, destacando as prioridades, mas sem ser muito rígido na quantidade e nas metas que é para não gerar frustrações.

Seja seletivo: Aprenda a dizer “não” as solicitações que tomem seu tempo e não são tão essenciais;

Saiba delegar: Delegue tarefas aos companheiros, você não precisa fazer tudo sozinho e nem ser onipresente, muitas vezes alguém pode lhe representar nos eventos e reuniões;

Simplifique: Procure ver o que pode ser resolvido de forma mais simples, faça reservas, prefira lugares com estacionamento, realize compras online, dê preferência às empresas que entregam em casa e outras facilidades que lhe trazem tempo.

Respeite o poder do hábito: Apesar da correria, das festas e das férias, não desregule demais seu relógio ou acabará indisposto para a melhor parte da festa.

Começou? Termine! Terminar trabalhos iniciados sempre que possível é um modo de evitar o retrabalho.

Não vire máquina: A flexibilidade e contar com imprevistos são partes a serem consideradas em seu planejamento.

Saber administrar o tempo além de trazer bons resultados para a empresa traz equilíbrio e melhora sua qualidade de vida.

Edição 15, da série Vida e Carreira, organizada pelo Serviço de Orientação à Carreira (SOC) da UniCarioca. 

0 Comentário(s)

Comentar